OPINIÃO: A CARAVANA PROPAZ E SUAS REAIS INTENÇÕES

O município de Itaituba deveria ser olhado com mais carinho e atenção pelos governos Estadual e Federal, considerando que a cidade tem grande contribuição para a economia do estado, através de segmentos como a mineração, pecuária, e mais recente os empreendimentos portuários.

A falta de interesse do Estado para com a pepita do Tapajós, como é conhecida, é perceptível quando observa-se a obra do Hospital Regional do Tapajós, que durante muito tempo foi observado apenas como o maior prédio existente em Itaituba, nada mais que isso, grandiosidade que deveria a mesma a ser colocada em prática por algumas lideranças politicas, que usam tal obra, apenas como discurso eleitoreiro, apenas um discurso, por que na pratica a obra ainda não foi concluída, e outra novela será colocar em funcionamento.

O governo do estado argumentou dificuldades financeiras para o custeio da obra, e conseguiu um financiamento junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES para a conclusão das obras, assim como em mais seis hospitais, localizados nas demais regiões de integração do Pará. O projeto inicial previa a conclusão para o fim do ano 2014, porém, nada foi feito após as eleições daquele ano .

Foto: Giroportal

Atualmente, homens voltaram a trabalhar na construção, em poucos dias a estrutura praticamente por inteira foi coberta por cimento.  curioso é que falta exatamente um ano para a próxima eleição, fazendo lembra o período de 2013 até 2014, quando a obra esteve paralisada, gerando protestos, liderados por entidades que pediam a retomada das obras do hospital.

A população precisa entender, principalmente nesse período de véspera de eleição, que alguns políticos tentam usar a todo custo, ações realizadas por outras esferas, como se fossem politicas públicas de suas autorias, e mais ainda, que possa fazer uma analise mais criteriosa se essas ditas lideranças vêm fazendo o dever de casa, pois nos últimos quatro anos, as politicas públicas que foram efetivadas nesse território, sugiram por iniciativa de políticos que não foram eleitos para representar Itaituba e a região do Tapajós, mas que tiveram votação considerável nesse território.

A caravana Propaz, realizada recentemente em Itaituba, contemplou mais de três mil pessoas com ações de cidadania, mobilizando uma equipe de 22 profissionais do estado, que somados aos 40 profissionais do município, buscaram atender o maior numero de pessoas, uma bela iniciativa da Secretaria de Assistência Social do município, que tem feito um trabalho exemplar, não apenas abrindo as portas da SEMDAS, como também levando ao interior esses serviços.

Apesar das boas intenções da gestão municipal, em levar atendimentos a comunidade, a ação do Propaz ocorrida em Itaituba, também pode ser vista como uma estrategia de aproximação do Governo do Estado, que tem tamanha consideração por Itaituba, que visitou a cidade de Trairão, e não deu as caras na pepita do Tapajós. Talvez por conta da divida que possui com os itaitubenses, que incluem a conclusão do hospital regional e a estação de tratamento de água da COSANPA, isso sem contar a estrada do BIS, que em menos de um ano de entregue, encontra-se com vários problemas de infraestrutura.

As dividas devem ser pagas, afinal de contas, algo importante na vida em sociedade é o credito, e se ele não existir, a confiança também é quebrada, isso vale para a vida pessoal, profissional e também para a administração pública, a menos que a população, na condição de credora, tenha a memória curta!

Márcio Vieira – Jornalista

marciovieira Autor

Agoraitb é a pagina do Programa Cidade Agora, transmitido pela TV Tapajoara e apresentado pelo Jornalista Márcio Vieira. Objetiva manter o internauta informados dos principais acontecimentos de Itaituba e região!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *