FECMITA INCENTIVA OLHAR CIENTÍFICO DE NOSSA REALIDADE

O EVENTO SERÁ REALIZADO NO PERÍODO DE 22 A 24 DE NOVEMBRO.

Definitivamente a cidade de Itaituba assume uma posição estratégica na chamada região de integração do tapajós. O município vem recebendo investimentos em diversos segmentos, e consequentemente atraindo pessoas de varias partes do pais. O crescimento registrado nos últimos anos tem que ser observado de forma mais critica, pois nem sempre significa desenvolvimento para a população, que continua enfrentando dificuldades em varias áreas. É seguindo o principio que é na juventude que está o futuro de nação, o instituto federal de educação ciência e tecnologia – IFPA, criou a primeira feira de ciência e mostra cientifica de Itaituba, a FECMITA.

A feira de ciência e mostra cientifica da região de integração do tapajós, será realizado no período de 22 a 24 de novembro de 2017, terá como tema “Diversidade, Sustentabilidade e Inovação Tecnológica no Tapajós”. E objetiva a busca permanente em divulgar a cultura científica e a popularização da ciência, com o intuito de mobilizar a população, em especial o corpo discente e docente, em torno de atividades de Ciência, Tecnologia e Inovação. O Professor Edil Queiroz, especialista em educação, explica que a nossa realidade deve ser observada e analisada de forma mais critica, deixando de lado as nosso envolvimento com o que está sendo estudado, para se tenha uma analise mais aprofundada, e a feira de ciência, torna-se o momento de levar esses conhecimentos a um publico maior, incentivando também outras pessoas esse olhar cientifico principalmente para temáticas ligadas ao nosso dia a dia.

Fonte: Agoraitb.com

 

marciovieira Autor

Agoraitb é a pagina do Programa Cidade Agora, transmitido pela TV Tapajoara e apresentado pelo Jornalista Márcio Vieira. Objetiva manter o internauta informados dos principais acontecimentos de Itaituba e região!

Comentários

    Ana Cabral

    (1 de novembro de 2017 - 03:12)

    As Feiras de Ciências Científicas são formas de incentivar o alunado à pesquisa, exercitar ótimas leituras e conquistar produções de qualidade. Faz com que o participante envolvido vá em busca desse conhecimento e se envolva cada vez mais no processo pois, a ciência quanto mais se busca mais descobertas vão surgindo e isso é que encanta o aluno estudioso e curioso e com isso ele só tem a ganhar. Essa é uma ótima oportunidade dos alunos demonstrarem seu potencial e que são capazes de alcançar o topo com sua inteligência, criatividade e sabedoria. Afinal, é de homens sábios que o Brasil precisa. E muitos sábios hão de surgir com a oportunidade de poderem participar da Feira de Ciências mediada pelo IFPA. Nós parabenizamos a iniciativa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *